Lula vai cumprir pena em Tremembé

A decisão do corregedor Paulo Eduardo de Almeida Sorci, do Tribunal de Justiça de São Paulo, determina a transferência do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva para o complexo penitenciário de Tremembé, no interior de São Paulo, onde presos por casos famosos cumprem pena. Entre esses condenados estão Suzane von Richthofen e Alexandre Nardoni, por exemplo.

Lula deverá cumprir pena na Penitenciária 2 (P2), o presídio "José Augusto César Salgado", onde estão os homens envolvidos em casos de grande repercussão nacional. As mulheres ficam na P1, a penitenciária feminina Santa Maria Eufrázia Pelletier.

Um dos presos, o ex-prefeito de Ferraz de Vasconcelos, Acir Filló, escreveu um livro sobre a prisão, chamado "Diário de Tremembé - O presídio dos famosos". No dia 6 de agosto, porém, a juíza Sueli Zeraik de Oliveira Armani determinou a suspensão das vendas da obra e a transferência do autor para outro presídio.

Veja alguns dos presos famosos que estão em Tremembé:

  • Suzane von Richthofen foi acusada de tramar a morte dos pais, Manfred e Marísia von Richthofen, em 2002, em São Paulo, na companhia dos irmãos Cristian e Daniel Cravinhos, então seu namorado. Dos três, apenas Daniel saiu da prisão para cumprir a pena em regime aberto. Cristian Cravinhos foi condenado a 38 anos e seis meses de prisão pela morte do casal Richthofen, em 2002, em São Paulo.
  • O ex-policial militar Mizael Bispo dos Santos foi condenado em 2013 a 20 anos de prisão em regime fechado pelo assassinato da ex-namorada, a advogada Mércia Nakashima, em maio de 2010.
  • O motoboy Lindemberg Alves, de 25 anos, foi condenado a 98 anos e 10 meses de prisão por matar a ex-namorada Eloá Cristina Pimentel, de 15, e por outros 11 crimes, em outubro de 2008.
  • Alexandre Nardoni foi sentenciado a 30 anos e dois meses de detenção por matar a filha Isabella que tinha cinco anos quando foi jogada do sexto andar do prédio onde morava. Em abril a Justiça concedeu a Alexandre, preso há 11 anos na Penitenciária de Tremembé, progressão de pena para o regime semiaberto. Anna Carolina Jatobá também cumpre sentença pelo assassinato de sua enteada.
  • Guilherme Longo foi extraditado da Espanha em janeiro de 2018, a pedido do governo brasileiro, para responder pelo assassinato de Joaquim Pontes Marques, seu enteado de três anos.
  • Publicitário e ex-seminarista, Gil Rugai foi condenado a 33 anos e nove meses de prisão pelo assassinato do pai e da madrasta em Perdizes, na zona oeste de São Paulo em 28 de março de 2004.
  • Elize Matsunaga foi condenada por matar e esquartejar o marido Marcos Matsunaga em 2012.

As informações são do Uol.

Mais Notícias