Caixa sofre tentativa de invasão na véspera de início de saques do Pis

A Caixa Econômica Federal foi obrigada a tirar do ar na noite da última quarta-feira, 14, o sistema que armazena dados dos beneficiários de programas sociais. O banco sofreu uma tentativa de invasão por hackers.

Em nota, o banco diz que "identificou, na noite de 14 de agosto de 2019, tentativa de acesso indevido ao sistema corporativo que possui informações cadastrais de cidadãos" e que tomou as medidas necessárias para "impedir a concretização de possíveis fraudes e garantir a segurança dos dados dos cidadãos". Segundo a Caixa, o ataque não atingiu o sistema que armazena informações do FGTS.

Ainda de acordo com a nota, a Caixa afirmou que utiliza as "melhores práticas" e ferramentas especializadas em segurança cibernética e atua constantemente na prevenção de eventuais ocorrências de fraudes. O banco diz ainda que realiza o monitoramento das operações e dos acessos aos sistemas que custodiam as informações dos seus clientes e dos cidadãos brasileiros que utilizam seus serviços.

O sistema já voltou a operar normalmente.

Mais Notícias