Dória inaugura CDP de Caiuá e anuncia que unidade será penitenciária

O governador do Estado de São Paulo, João Dória (PSDB) inaugurou na tarde desta segunda-feira (02), o  Centro de Detenção Provisória – CDP II de Caiuá. Conforme dados da SAP o valor total investido para a instalação do novo presídio foi de R$ 53.302.697,64. A unidade conta com capacidade total para 823 presos no regime fechado e funcionará com cerca de 160 agentes. 

O secretário da Secretaria da Administração Penitenciária - SAP, Coronel Nivaldo Restivo, esteve presente na inauguração que foi prestigiada pelos deputados estaduais Mauro Bragato (PSDB) e Ed Thomas (PSB), além de  além da prefeita de Caiuá, Rute Almeida, e  prefeitos e vereadores da região.

Dória anunciou durante discurso que a partir da próxima quinta-feira (05) a unidade prisional passará a ter status de penitenciária. "Será publicada a resolução no Diário Oficial com a mudança do presídio para penitenciária" disse Dória.

O governador destacou a questão da segurança pública do Estado, avaliando o Estado de São Paulo como detentor da melhor segurança pública do país. "Temos feito importantes investimentos na capacitação e valoriização dos profissionais que atuam na polícia civil e militar e o resultado é que temos as melhores policiais e segurança do Brasil", disse Dória.

Ele afirmou que em 11 meses de gestão frente ao governo do Estado inaugurou 5 presídios e que até o final deste ano vai entregar mais 5 unidade. "Vamos fechar o ano com 10 unidades prisionais novas entregues no estado. Sem dúvida é um recorde", falou.

CDP 1
O município de Caiuá já possui um CDP. O presídio, que fica no km 634,2 da Rodovia Raposo Tavares (SP-270), foi inaugurado no dia 15 de abril de 2005, com uma área construída de 6.011,74 m² e capacidade para 844 presos. Atualmente, a unidade prisional abriga 655 detentos, de acordo com dados oficiais da SAP.

Photo

 

Mais Notícias