Prefeita de Caiuá decreta suspensão de hospedagem em pensões e proíbe entrada de veículos para visitas a detentos

Prefeita de Caiuá decreta suspensão de hospedagem em pensões e proíbe entrada de veículos para visitas a detentos

Na tarde desta sexta-feira (20), a Prefeitura de Caiuá decretou que durante esse período de pandemia do coronavírus, as pousadas instaladas na cidade não poderão fornecer o serviço de hospedagem aos finais de semana (de sexta para sábado, de sábado para domingo e de domingo para segunda-feira) a nenhuma pessoa.

Conforme informou a prefeita Rute de Almeida dos Santos Lima, devido ao CDP (Centro de Detenção Provisória de Caiuá) o fluxo na cidade aumenta demasiadamente aos fins de semana.

A medida imposta nesta sexta-feira (20) visa impedir a aglomeração de pessoas nestes estabelecimentos, uma das recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS) no combate ao coronavírus.

O Decreto ainda estabelece que durante período indeterminado, fica proibido a entrada no município, de ônibus e de outros veículos que realizam o transporte de familiares/ visitantes dos detentos.

De acordo com a prefeita, esse é um momento de conscientização e reclusão geral.

“Eu quero aqui deixar bem claro que as medidas estão sendo tomadas única e exclusivamente pensando no bem estar e na saúde de todos. Vamos manter a calma e a sabedoria, isso é só um momento, se respeitarmos o que está sendo pedido, logo essa pandemia irá passar e voltaremos a nossa rotina norma”, declara.

Lima ainda lembra que o município não conta com hospital, disponibilizando atendimento médico somente pelo Ambulatório Médico de Especialidades (AME).

“Temos que ter consciência que dependemos de atendimento médico regional em caso de coronavírus na população local, então lavem bem as mão, respeitem os Decretos e permaneçam em suas casas”, orienta.

DECRETO

Mais Notícias