Regina Duarte deixa secretaria de cultura mas segue no Governo Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro anunciou nesta quarta-feira (20) que Regina Duarte vai deixar a Secretaria de Cultura. Pelo Twitter, ele afirmou que a atriz vai assumir a Cinemateca Brasileira, em São Paulo.

Segundo o presidente, a agora ex-secretária de Cultura estava sentindo falta da família. Regina Duarte se mudou para Brasília, enquanto a família continuou em São Paulo. Comandando a Cinemateca, ela poderá voltar para a capital paulista.

Ainda no Twitter, Bolsonaro e Regina Duarte brincaram com as especulações de que o presidente estaria fritando a atriz. De acordo com o capitão reformado, a imprensa tenta desestabilizar o governo com essas notícias.

Regina Duarte assumiu a Secretaria de Cultura em 4 de março, substituindo Roberto Alvim. Ela ficou dois meses a frente da secretaria e a gestão foi marcada por polêmicas, principalmente em relação ao silêncio do órgão sobre as mortes de grandes nomes da cultura brasileira, como Aldir Blanc e Flávio Migliaccio.

As informações são da Jovem Pan. 

Mais Notícias