Morre José Hilário Pasquini, vice-presidente do Hospital do Câncer

Um dos responsáveis diretos pela ativação do Hospital Regional do Câncer de Presidente Prudente (HCRPP), o empresário José Hilário Pasquini morreu na manhã desta quinta-feira (21), aos 67 anos. Ele estava internado em hospital na capital Paulista.

Vice-presidente do HC, Pasquini presidiu a instituição por sete anos. Neste tempo, foi responsável pelo término das obras do prédio e da implantação do serviço de radioterapia, em 2015.

"Sr. Hilário foi um nobre homem, que presidiu o nosso hospital por sete anos e foi o responsável por inúmeros avanços, sobretudo, o término da construção da nossa entidade", cita o hospital, em nota.

Hilário Pasquini sofria de um câncer na garganta. Após conseguir a cura, foi acometido pela doença novamente. Nos últimos dias, estava internado em Unidade de Terapia Intensiva (UTI), em hospital paulistano.

"Lutou bravamente contra o câncer e trouxe da difícil experiência, ainda mais vontade de ajudar as pessoas. Um homem íntegro, solidário e que será eternamente lembrado por todos os atos que beneficiaram milhares de pacientes com câncer da região", diz o HC.

O vereador Izaque Silva (Patriotas) também lembra da luta de Pasquini para preservar o Bairro Timburi, na zona rural, escolhido por uma empresa para a implantação de aterro sanitário. Na época, o assunto gerou grande discussão na cidade.

"É com profunda tristeza que recebemos a notícia do falecimento do amigo José Hilário Pasquini. Esteve ao nosso lado na luta pela preservação ambiental do Bairro Timburi fazendo parte da Associação Amigos do Timburi. Um grande homem, que será lembrado por todos nós", comenta.

Em razão da pandemia provocada pelo coronavírus, não haverá velório.

As informações são do Portal Prudentino.

Mais Notícias