Falha humana e distração estão entre maiores causas de acidentes e infrações em Presidente Venceslau

A Prefeitura de Presidente Venceslau realiza, por meio do Departamento Municipal de Trânsito (Demutran), uma campanha de conscientização no trânsito. A ação é desenvolvida em parceria com a Polícia Militar.

Após instituição da Organização das Nações Unidas (ONU), o terceiro domingo do mês de novembro é lembrado como o Dia Mundial em Memória das Vítimas de Acidentes de Trânsito, e também dedicado aos profissionais que lidam diariamente com as consequências traumáticas das mortes e lesões no trânsito.

Conforme material produzido pelo setor de comunicação da Prefeitura de Presidente Venceslau, a falha humana e a distração aparecem como as principais causas de acidentes de trânsito. De acordo com a Associação Brasileira de Medicina do Tráfego (Abramet), o uso do celular é a principal causa de acidentes no trânsito com pessoas de 20 a 39 anos, sendo responsável em média por 57% dos acidentes de trânsito entre pessoas dessa faixa etária.

O uso do celular é a terceira maior causa de mortes no trânsito no Brasil, atrás apenas de excesso de velocidade e motoristas embriagados. São cerca de 150 mortes por dia, 54 mil óbitos por ano.

Anualmente, são registradas 1,3 milhão de mortes por ano e 50 milhões de feridos em todo o mundo.

Infrações registradas em Presidente Venceslau

Segundo dados do Departamento Municipal de Trânsito, a falta do uso do cinto de segurança foi a infração mais registrada no município durante o período entre 1º de janeiro de 2021 até esta segunda-feira (22). São 486 infrações desta natureza, o equivalente a 27,23% das infrações registradas no período.

Dirigir sem atenção ou sem os cuidados indispensáveis à segurança é a segunda infração mais observada em Presidente Venceslau no período mencionado. São 255 infrações, 14,29% do total.

Três enquadramentos diferentes envolvendo o celular figuram na lista das principais infrações registradas na cidade em 2021. Com 124 registros, a direção do veículo com o manuseio de telefone celular é a mais vista entre as três, sendo seguida por 69 ocorrências de direção de veículo utilizando-se de telefone celular e 59 ocorrências por dirigir veículo segurando telefone celular.

Em relação aos acidentes, considerando o período entre 2 de janeiro de 2017 até 23 de agosto deste ano, a cidade registrou 1.036 acidentes de trânsito. Destes, 999 tiveram vítimas e outros 37 não tiveram.

O setor de trânsito também divulgou os horários com maior incidência de acidentes na cidade. Seis horários chamam a atenção e reforçam a importância do condutor se manter atento durante todo o trajeto. Os horários das 18h, 17h, 12h, 16h, 20h e 7h registraram, respectivamente, 86, 84, 83, 64, 55 e 54 ocorrências entre janeiro de 2017 e agosto deste ano.

O chefe do setor de trânsito, Romário Ricceli, afirmou que o setor tem buscado conscientizar a população venceslauense por meio de diversas campanhas. "Sabemos que não são com as mesmas ações que os cidadãos conseguirão mudar o atual quadro de acidentes e causas de infrações no município. Agir com respeito e responsabilidade no trânsito sempre será o melhor caminho", finalizou.

As informações são do Departamento de Comunicação da Prefeitura de Presidente Venceslau.

Mais Notícias